Uso seguro


Tradicionalmente, certos métodos de aplicação de óleos essenciais têm sido preferidos e utilizados de maneira exclusiva. No entanto, e à medida que a pesquisa em torno dos óleos essenciais continua a se desenvolver, há também uma maior compreensão dos seus métodos de aplicação, os quais podem ser usados tanto para o bem-estar emocional quanto físico. Todos eles são seguros, desde que usados adequadamente, incluindo os aromáticos e tópicos. Pode-se utilizar um único óleo de cada vez ou em misturas complexas com outros óleos, em um dos seguintes métodos:

Aromático

O sentido do olfato é uma ferramenta que pode promover respostas fisiológicas, mentais e emocionais poderosas. Quando inalados, os óleos essenciais são rapidamente absorvidos pelos receptores nasais, que têm uma ligação direta com o sistema límbico por meio do nervo olfativo. Esse sistema é uma parte do cérebro que possui uma variedade de funções, incluindo olfato, emoções, comportamento e memória. Por esse motivo, os óleos essenciais têm um efeito poderoso quando usados aromaticamente.

Alguns óleos essenciais promovem efeitos estimulantes ou revigorantes, enquanto outros são mais calmantes. A dispersão, que não requer nenhum dispositivo especial, é um dos métodos mais simples para o uso aromático dos óleos essenciais. Os difusores que utilizam ar frio ou água são ideais. Os mesmos benefícios para o bem-estar podem ser obtidos colocando-se, simplesmente, algumas gotas de óleo essencial na palma das mãos e posicionando-as em forma de concha sobre o nariz, enquanto se respira profundamente.

Tópico

A aplicação tópica é um método muito eficaz para a utilização dos óleos essenciais. Como eles têm pesos moleculares baixos e são lipossolúveis, penetram facilmente na pele e, uma vez absorvidos, permanecem na área aplicada para promover o benefício desejado.

Embora os óleos essenciais sejam facilmente absorvidos, há muitas maneiras de aumentar sua absorção. Por exemplo: uma massagem leve no local de aplicação do óleo aumentará o fluxo sanguíneo naquela área, melhorando a sua distribuição em todo o corpo. O uso de um óleo vegetal também aumenta a sua absorção, especialmente na pele seca ou escamosa, pois ajuda na hidratação e retarda o tempo de evaporação do óleo.

Para diminuir a possibilidade de desenvolvimento de sensibilidade, especialmente em peles jovens ou sensíveis, é aconselhável usar um óleo vegetal (como o Óleo de Coco Fracionado) para diluir os óleos mais potentes, principalmente quando um determinado óleo for usado pela primeira vez.

Normalmente, a proporção de diluição recomendada é uma gota do óleo essencial para três gotas de óleo vegetal e é sempre aconselhável usar várias doses pequenas ao longo do dia, em vez de uma única e grande dose. Assim, comece com a menor dose possível (1 a 2 gotas). Uma dose tópica pode ser repetida a cada 4 ou 6 horas, conforme necessário.

Como cada indivíduo tem suas peculiaridades, a dose poderá variar de acordo com o tamanho, idade e estado geral de saúde de cada pessoa..

Áreas benéficas onde você pode aplicar os óleos essenciais

  • Pescoço
  • Fronte e têmporas
  • Peito e abdome
  • Braços, pernas, sola dos pés

Outros métodos efetivos de aplicação tópica

  • Adicione algumas gotas de óleo essencial a um banho quente.
  • Faça uma compressa quente ou fria mergulhando uma toalha ou um pano na água com óleos essenciais e, em seguida, aplique sobre a área desejada.
  • Adicione óleo a uma loção ou hidratante e aplique sobre a pele
  • Áreas sensíveis a evitar:

    • Algumas áreas faciais, como a pele ao redor dos olhos.
    • Olhos e ouvidos internos.
    • Pele rachada, lesionada ou ferida.

Selecione seu Continente

Selecione sua Região

Selecione sua Localidade

Selecione seu Idioma